O que é criatividade?

Quando pensamos sobre CRIAtividade, podemos cometer o erro de acreditar que o criativo é alguém capaz de imaginar coisas incríveis a partir do nada. Esse é, na verdade, um erro do senso comum.


Para explicar o que realmente significa ser criativo, costumo pegar emprestado um neologismo proposto pelo humorista e empresário Murilo Gun. Ele cunhou a expressão COMBINAtividade.


Combinatividade é a junção de combinação + criatividade. Isso é perfeito porque o verdadeiro sentido de ser criativo tem tudo a ver com "combinação". Vejamos algumas definições:


Criatividade é a capacidade de criar coisas novas a partir da combinação de criações antigas. Assim, toda criação é recriação.


O criativo, então, é alguém capaz de propor aglutinações inusitadas, embora nunca cem por cento novas. A novidade perfeita inexiste, não passando de abstração.


Não pense que essa é uma ideia nova. Na verdade, escritores, filósofos e outros artistas já propuseram isso há milênios. Na Bíblia, lemos que "não há nada novo debaixo do Sol". Pense, ainda, na expressão latina "Ex nihilo nihil fit" (nada surge do nada).


Outro a propor uma criatividade combinativa é Austin Kleon, autor do best-seller Roube como um artista. Em seu livro, Austin dá conselhos sobre criatividade para jovens artistas. Seus conselhos envolvem o desenvolvimento de um arcabouços de referências realmente valiosas e que possam ser "roubadas".


É importante esclarecer, neste ponto, que Gun, Austin e eu não estamos fazendo uma defesa do plágio. Esse crime envolve apropriar-se da criação de outra pessoa. Ou seja, tomar as combinações que outra pessoa já fez e ganhar ilicitamente com isso.


A combinatividade, por outro lado, destaca, homenageia e cita fontes. Ela não se apropria de uma criação, mas de várias e várias - fazendo com que algo realmente original surja a partir daí.


Compreender o que realmente significa ser criativo é absolutamente libertador! Afinal, todos temos a capacidade de recolher e combinar referências. A criatividade não é um luxo de poucas mentes brilhantes ou alguns poucos artistas profissionais. É uma capacidade que está ao alcance de todos, pode ser aplicada aos mais diversos campos de atuação e exercitada diariamente.


Encerro este texto com um convite: aprimore suas influências, permita-se estabelecer relações incomuns e, desse modo, experimente uma vida mais criativa. Se até eu consegui, você também consegue.